Fórum da Família - 05 Jan 04

Aborto e saúde reprodutiva na UE

             Na sessão do passado dia 16 de Dezembro, no Parlamento Europeu, alguns deputados fizeram perguntas ao Conselho da União Europeia tendentes a uma definição mais precisa do termo “saúde reprodutiva”.

            A questão mais directa e incisiva proveio do deputado alemão Bernd Posselt: “A referência à “saúde reprodutiva” é cada vez mais frequente no âmbito da política comunitária de ajuda ao desenvolvimento e respectivos programas. Como define o Conselho este conceito? Abrange este igualmente a promoção do aborto?”

            Um representante da Presidência do Conselho confirmou que o aborto não está incluído na definição de “saúde reprodutiva” nas políticas da União Europeia.

            Torna-se, assim, obsoleto invocar a União Europeia e o conceito de “saúde reprodutiva” para pressionar os legisladores portugueses a liberalizar o aborto em Portugal.

  

Fonte: euro-fam.org