Público - 6 Fev 06

Campanha contra obesidade na população escolar

 

Sensibilizar nas escolas para a prática de bons hábitos alimentares, travando o aumento da obesidade infantil, e proporcionar meios que forneçam "novas competências no domínio da educação alimentar" são alguns dos objectivos da iniciativa Comer Saudável, desenvolvida em colaboração com a Administração Regional de Saúde do Centro.
A campanha é lançada depois de amanhã, em Coimbra. Segundo a Direcção Regional de Educação do Centro (DREC), pretende-se também transmitir conhecimentos que estimulem práticas de alimentação saudável e ainda "valorizar determinados grupos de alimentos, nomeadamente lacticínios, leguminosas, fruta, peixe e hortaliça". Fomentar a ligação das escolas aos agentes locais que podem contribuir para ocupar os tempos livres dos alunos é outra meta do projecto, que é divulgado na Quinta das Lágrimas, antecedido por um almoço na vizinha Escola Secundária de D. Duarte.
Neste almoço participa o chefe Albano Lourenço, do restaurante Arcadas da Capela, do Hotel Quinta das Lágrimas, numa "parceria que será emblemática" da campanha, adianta a DREC. Com esta parceria, pretende-se a colaboração do chefe de cozinha da unidade hoteleira na confecção e apresentação de pratos no refeitório da Escola de D. Duarte.
"Trata-se de um projecto embrionário que fará parte do programa da campanha e que se pretende venha a ser alargado a outras escolas e hotéis", refere uma nota da DREC. O Gabinete de Nutrição e Educação Alimentar da DREC tem sensibilizado as escolas para evitarem as máquinas de venda de produtos alimentares, tendo alguns estabelecimentos retirado já esses equipamentos. "Há que fazer um combate "feroz" aos lanches de plástico que, em algumas escolas, são vendidos através de máquinas", adianta o texto, ao informar ainda que a DREC sugere aos agrupamentos o encerramento dos bares à hora do almoço, incentivando assim os alunos a optar pela "alimentação racional e saudável" proposta nas ementas dos refeitórios. No caso do pré-escolar e do 1.º ciclo, "esta matéria reveste-se de especial importância, pois é nessa idade que se adquirem os bons hábitos alimentares". Lusa

WB00789_.gif (161 bytes)