APFN - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas 

  Comunicado

  Redução das portagens dos Monovolumes

 
A APFN congratula-se com a aprovação, em Conselho de Ministros de hoje, da redução das portagens dos Monovolumes para classe 1, acabando-se com mais uma das inconcebíveis penalizações a que as famílias numerosas têm vindo a ser submetidas em Portugal, mais a mais num país em que os governantes se lastimam, com razão, da reduzida taxa de natalidade, mas pouco têm feito para acabar com a política anti-natalidade e anti-família que tem sido praticada nas últimas dezenas de anos.

Recorde-se que o dr. Carlos Tavares, Ministro da Economia do anterior governo, já tinha anunciado esta justa medida em Setembro do ano passado, mas foi incapaz de a levar à prática; mais uma razão por a APFN congratular-se por tal ter sido realizado por este governo, com apenas quatro meses de existência, e, ainda por cima, já em gestão, governo este que já tinha ido ao encontro de outra aspiração da APFN ao reduzir o IVA das fraldas para bebés.

A APFN espera que estas medidas recentemente adoptadas pelo governo, na linha do defendido pela APFN através no Plano +famili@, para que "Ser Mais, Custe Menos", sirva de exemplo para o governo que sair das próximas eleições, a fim de fazer com que os casais portugueses possam, finalmente, ter os filhos que desejem sem ser penalizados por isso, como acontece com a esmagadora maioria dos restantes casais europeus.

Em particular, torna-se necessário alargar esta medida às restantes viaturas ligeiras de passageiros, apropriadas às famílias mais numerosas, como acontece em toda a Europa, com excepção de Portugal!

APFN - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas  

Rua 3A à Urbanização da Ameixoeira
Área 3, Lote 1, Loja A
1750-084 Lisboa

Tel: 217 552 603 - 917 219 197
Fax: 217 552 604
 

Para saber mais:

 
Se tem 3 ou mais filhos, concorda com os nossos Princípios e Estatutos e deseja ser sócio,  
 
 
Se quiser deixar de receber comunicados da APFN, envie um email para apfn@apfn.com.pt com o assunto "Remover" 
Nota importante: é necessário que seja enviado a partir da conta de correio electrónico onde foi recebido este comunicado.

WB00789_.gif (161 bytes)